Na noite de sexta-feira do dia 26 de março, por volta das 23h, uma lavanderia na rua Parobé Linha Nova, no bairro Avenida Central em Gramado, sofreu um furto de componentes de um transformador.

O meliante permaneceu no local até 01h20 da madrugada de sábado para retirada do equipamento, conforme registrado pelas câmeras no local.

A rua Parobé Linha Nova possui um grupo de moradores que participam de um projeto chamado Monitoramento Colaborativo, da Camerite.

A empresa instalou câmeras ao longo da rua e os vizinhos fazem o monitoramento da região através de um aplicativo para smartphone, que dá acesso às imagens.

Com o auxílio deste recurso, o meliante foi reconhecido e preso na tarde de 31 de março.

O criminoso foi pego após tentar furtar uma obra na região. Quando os responsáveis pela lavanderia chegaram com as imagens na delegacia, o meliante já estava detido e pôde ser identificado pela polícia através das gravações.

Para André Antunes, responsável pelo projeto na região, o monitoramento colaborativo é fundamental para dar velocidade à resolução de crimes como esse.

O monitoramento colaborativo tem se mostrado uma ferramenta importante no combate à criminalidade, auxiliando o trabalho da polícia com a nossa tecnologia e o engajamento dos moradores. Isso fica claro dada a velocidade da resolução desse caso na rua Parobé Linha Nova”, diz André.

O objetivo com o projeto não é apenas a resolução de crimes, mas principalmente a prevenção. Com câmeras posicionadas estrategicamente e a participação dos moradores, é possível inibir a ação de criminosos, tornando a região mais segura.

O projeto existe em várias outras cidades do Brasil e já provou sua eficiência no combate à criminalidade. Em Palotina/PR, por exemplo, os serviços da Camerite reduziram em 80% os índices de furto e roubo na região.

André diz que os planos para Gramado são de expansão. Quanto mais ruas participando, maior será o impacto na segurança da população, como tem acontecido em outras cidades.

Qualquer morador interessado pode participar do projeto que, diferentemente dos serviços tradicionais de segurança, possui um valor extremamente acessível.

Basta entrar em contato com responsável de sua região em camerite.com/encontre e testar o serviço.

Escrito por Felipe Madruga

Deixe seu comentário!